Repetição da Diferença seguido de Casa dos Mundos Irrepetíveis [Portes Grátis]

Repetição da Diferença seguido de Casa dos Mundos Irrepetíveis [Portes Grátis]
Editora: POÉTICA EDIÇÕES
Autor: Luís Filipe Sarmento
Pontos de fidelidade: 12
Disponibilidade: Em stock
Preço: 15,00€

*Para usufruir dos portes grátis neste artigo, ao efectuar a compra seleccione a opção oferta promocional e insira p.f. o código "pgpe" no campo respectivo. Oferta NÃO válida em caso de envio para o estrangeiro.

--

«Luís Filipe Sarmento: um percurso de vida literária que já há muito deveria ter sido pensado. Mas as academias perderam, na maioria, a sua dimensão dramática; a actual crítica parece ainda fascinada com as criações de um universo verbal de onde é excluído o que mais importa — que é o irresolúvel. É neste plano porém — que mesmo sendo inúteis e dispensáveis as questões — residem caminhos ainda possíveis para a Literatura. Claro que a experiência de vida de um poeta afronta sempre os que ainda gravitam no plano da exploração da loucura, da paixão ou do risco. A cientificidade das análises literárias está a tornar-se, cada vez mais, numa crendice insuportável. “A palavra libertadora”, diz-nos Sarmento, “dá lugar à ninharia literária”.» destaca Maria Cantinho"

Luísa Monteiro (revista Caliban)

--

"De falsificador de instantes a criador de ambientes,
o prosador procura no poeta a nitidez obscura da metáfora:
na mesa do bar, entre as ferramentas, café e conhaque: não está só.
Muitos desconhecidos: fora de si e dentro de si.
Olha os de fora para alimentar os de dentro.
Esquece os de dentro e deixa-se seduzir pelos de fora. 
Entre o real e o irreal, a criação divina do artista – 
obviamente sem deus – na cumplicidade passiva com o exterior
no confronto activo com o interior.
Sem real nem irreal, o prosador deixa de existir. Na mesa de um bar.
Sombra imperceptível ou nódoa do tempo, 
o romance limpa as restantes manchas da história
que o poema já denunciara. E a existência?
Uma híbrida catástrofe do escritor. A tempestade de um livro."

Luís Filipe Sarmento, em "Repetição da Diferença"

--

Luís Filipe Sarmento nasceu a 12 de Outubro de 1956. Estudou Filosofia na Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa. Escritor, Tradutor e Realizador de Televisão. Jornalista, editor, realizador de cinema e vídeo, professor de escrita criativa. Alguns dos seus textos encontram-se traduzidos em inglês, espanhol, francês, italiano, árabe, mandarim, japonês, romeno, macedónio, croata e russo. Produziu e realizou a primeira experiência de Videolivro feita em Portugal no programa Acontece para a RTP (Radiotelevisão Portuguesa), durante sete anos assim como para outros programas de televisão. Membro do International P.E.N. Club, Membro da Associação Portuguesa de Escritores, Coordenador Internacional da Organization Mondial de Poétes (1994-1995), Membro do International Comite of World Congress of Poets, Presidente da Associação Ibero-Americana de Escritores (1999-2000), Tem participado em vários encontros, festivais e congressos internacionais.
 
Obras publicadas:
A Idade do Fogo, 1975
Trilogia da Noite, 1978
Nuvens, 1979
Orquestras & Coreografias, 1987
Galeria de um Sonho Intranquilo, 1988
Fim de Paisagem, 1988
Fragmentos de Uma Conversa de Quarto, 1989
Ex posições, 1989
Boca barroca, 1990
Matinas Laudas Vésperas Completas, 1994
Tinturas Alquímicas, 1995
A Ocultação de Fernando Pessoa, a Desocultação de Pepe Dámaso, ensaio, versão portuguesa e castelhana, Las Palmas 1997
A Intimidade do Sono, 1998
Crónica da Vida Social dos Ocultistas – romance, 2000, 2007.
Gramática das Constelações, 2012.
Ser tudo de todas as Maneiras, ensaio e antologia da obra de Fernando Pessoa no Livro/Cd «Mensageiros», Lisboa, 2012.
Como Um Mau Filme Americano, romance, 2013
Efeitos de Captura, poesia, 2015

--

Edição: Outubro de 2016 | Páginas: 160 | Encadernação: capa mole | ISBN: 978-989-99696-0-5

Fazer um comentário

Nome:


Comentário: Obs: HTML não suportado!

Avaliação: Ruim           Bom

Digite o código exibido na imagem abaixo:



Poetica © 2017